top of page

Writing Campaings

The world “mutirão” originates from the Tupi term motyrõ, which means “common work”. It's the oldest team management technology in the Americas – it's in our blood. Inspired by this intention, we decided to try what it would be like to write a collaborative book and it has worked!

We count on the mobilization of several actors, among them: students, researchers, public managers and enthusiasts in the area and, through a collaborative writing process, we seek to gather different knowledge to build informative and "uncomplicated" materials for the public sector, academia and even the general public.

Capa Descmplicando_edited.jpg
Cone (1).png

1st Writing Campaing

“Making Urban Mobility Uncomplicated: Manual of actions for public ” 

Organized after the 1st Mob.inc Journey and following the objectives of this event, the book was designed to support public managers in the effective implementation of a more inclusive, intelligent and sustainable urban mobility agenda. It had 10 themes that present themselves as challenges for Brazilian cities, being approached in chapters through suggestions of concrete practical actions, success stories and updated scientific references. As a result of a collective effort by more than 70 authors, spread across Brazil and summoned through the Network of participants in the first event, enthusiasts and specialists in different areas developed, within the themes that most identified, the chapters that made up this final product, divided between Legal Frameworks and Practical Actions.

2nd Writing Campaing

"The Smart City Paradox: making data uncomplicated", organized by the Data Policy and Regulation WG, whose focus is to bring together enthusiasts and specialists in the subject to, as well as in the Uncomplicating Manual, build a collaborative book - are in the process of reviewing the chapters for future publication.​

Training Cycles

The training cycles are events promoted by GT Capacitation and have round tables, short courses, masterclasses, among others.

See how our 1st Training Cycle was - Exchanges on smart urban mobility planning:

Mesa Redonda - 1º Ciclo de Capacitação Mob 4.0
01:29:04

Mesa Redonda - 1º Ciclo de Capacitação Mob 4.0

Mesa-Redonda (13/04) - "Dados e Exclusão no Planejamento Inteligente das Cidades" A primeira dinâmica do 1° Ciclo de Capacitação foi composta por: 👨 Gilberto Vieira (data_lab) 👩 Juliana Trento (Arquiteta e Urbanista) 👨‍🦱 Leonardo Veiga (ITDP Brasil) 👩‍🦱 Mediação: Gabriela Morita (Arquiteta e Urbanista - Representante da Rede Mob 4.0) Os participantes trouxeram suas críticas e opiniões a respeito de como os dados interferem na dinâmica urbana das cidades e da mobilidade em prejuízo de "ismos" sociais que denotam nossas desigualdades. ___________________________________________________________ {SPOILERS DA SESSÃO} Juliana Trento chamou a atenção para a importância dos dados e do engajamento de certas áreas: "... ter essa orientação a dados, como mostrar para os profissionais de políticas públicas que os dados são importantes?" Leonardo Veiga fez uma provocação a setores específicos da sociedade, apontando a necessidade da inclusão dos dados para nossa realidade: "são os dados que produzem as desigualdades ou é a cultura de dados ou a falta de cultura com relação a produção de dados?". Gilberto Vieira trouxe dois lados da manipulação de dados onde transcendem sua forma abstrata para uma dimensão empírica: " por um lado, os dados parecem refletir melhor a realidade, podendo ser utilizados para a tomada de decisão. Por outro lado, as ciências dos dados também possuem concentração de capital, ilustrando uma realidade desigual, inclusive de acesso aos dados". ___________________________________________________________ Para mais debates e discussões como essas, acompanhe nossas redes sociais. Instagram: https://www.instagram.com/mob_4.0/ Facebook: https://www.facebook.com/RedeMob4.0/ ___________________________________________________________ APOIO Faperj Coppe/UFRJ
Minicurso - 1º Ciclo de Capacitação [1/2]
01:59:10

Minicurso - 1º Ciclo de Capacitação [1/2]

Minicurso (19/04) - "Dados de GTFS e modelagem de acessibilidade como ferramentas de planejamento de transporte público" 🚍 Quer saber mais sobre o curso? 👇 A acessibilidade urbana é reconhecida na literatura acadêmica como conceito chave para o planejamento integrado de sistemas de transportes e uso do solo e para refletir sobre dimensões sociais do transporte urbano. Na prática, no entanto, a acessibilidade ainda é pouco adotada por parte de agências de transportes como ferramenta de planejamento - principalmente no Brasil. Análises de acessibilidade por transporte público exigem o uso de softwares de roteamento de viagens, que, por sua vez, consomem dados no formato GTFS para calcular rotas de transporte público entre pares de origem-destino. O formato GTFS é atualmente o padrão de dados mais utilizado por pesquisadores e planejadores para descrever redes de transporte público. Neste minicurso, exploraremos esse formato e as especificidades, bem como algumas ferramentas computacionais que podem ser utilizadas para modelagem de acessibilidade em áreas urbanas. O minicurso trará algumas aplicações práticas de modelagem de acessibilidade e análise e manipulação de dados GTFS usando a linguagem de programação R. Palestrante: Daniel Santos 👇 https://www.linkedin.com/in/daniel-herszenhut-a18b1581 Daniel é mestre em Engenharia de Transportes pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ), onde desenvolveu uma pesquisa em que investigou os impactos dos custos monetários de viagens de transporte público em análises de acessibilidade e desigualdade de acesso. Atualmente, atua como assistente de pesquisa no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e como consultor em projetos de análise de dados focados em transportes. É autor e mantenedor de diversos pacotes open-source de R, como o r5r, de roteamento de redes de transporte multimodais, e os gtfstools e gtfsio, de leitura, análise e manipulação de dados em formato GTFS. ___________________________________________________________ Siga nossas redes, acesse conteúdos e muito mais: https://linktr.ee/mob_4.0 APOIO Faperj Coppe/UFRJ
Minicurso - 1º Ciclo de Capacitação [2/2]
02:11:22

Minicurso - 1º Ciclo de Capacitação [2/2]

Minicurso (20/04) - "Dados de GTFS e modelagem de acessibilidade como ferramentas de planejamento de transporte público" 🚍 Quer saber mais sobre o curso? 👇 A acessibilidade urbana é reconhecida na literatura acadêmica como conceito chave para o planejamento integrado de sistemas de transportes e uso do solo e para refletir sobre dimensões sociais do transporte urbano. Na prática, no entanto, a acessibilidade ainda é pouco adotada por parte de agências de transportes como ferramenta de planejamento - principalmente no Brasil. Análises de acessibilidade por transporte público exigem o uso de softwares de roteamento de viagens, que, por sua vez, consomem dados no formato GTFS para calcular rotas de transporte público entre pares de origem-destino. O formato GTFS é atualmente o padrão de dados mais utilizado por pesquisadores e planejadores para descrever redes de transporte público. Neste minicurso, exploraremos esse formato e as especificidades, bem como algumas ferramentas computacionais que podem ser utilizadas para modelagem de acessibilidade em áreas urbanas. O minicurso trará algumas aplicações práticas de modelagem de acessibilidade e análise e manipulação de dados GTFS usando a linguagem de programação R. Palestrante: Daniel Santos 👇 https://www.linkedin.com/in/daniel-herszenhut-a18b1581 Daniel é mestre em Engenharia de Transportes pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ), onde desenvolveu uma pesquisa em que investigou os impactos dos custos monetários de viagens de transporte público em análises de acessibilidade e desigualdade de acesso. Atualmente, atua como assistente de pesquisa no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e como consultor em projetos de análise de dados focados em transportes. É autor e mantenedor de diversos pacotes open-source de R, como o r5r, de roteamento de redes de transporte multimodais, e os gtfstools e gtfsio, de leitura, análise e manipulação de dados em formato GTFS. ___________________________________________________________ Siga nossas redes, acesse conteúdos e muito mais: https://linktr.ee/mob_4.0 APOIO Faperj Coppe/UFRJ
Masterclass - 1º Ciclo de Capacitação
01:05:11

Masterclass - 1º Ciclo de Capacitação

Masterclass (27/04) - "Planejamento inteligente da mobilidade sem dados é futurologia aplicada" Palestrante: Maria Teresa Diniz (Urbitandem) 👇 https://www.linkedin.com/in/maria-teresa-diniz/ Arquiteta e urbanista formada pelo Izabela Hendrix em Belo Horizonte (2002), é mestre em geografia pela Université Panthéon-Sorbonne (2004). Co-editora do Manual de Desenho Urbano e Obras Viárias da Prefeitura, foi chefe da assessoria técnica da SMT. É também editora no Urbitandem e professora no curso de especialização Planejamento e Gestão de Cidades do USP Cidades / PECE Poli. Trabalhou entre 2005 e 2012 na SEHAB, onde foi coordenadora do Programa de Urbanização de Paraisópolis e do GT Projetos, liderando uma equipe de especialistas que desenvolveram as diretrizes para urbanização de favelas e habitação de interesse social. Sua equipe foi responsável pelo concurso nacional de projetos Renova SP, a maior concorrência pública desta natureza no Brasil. No CAU-SP, é conselheira titular da gestão 2021-2023 e coordenadora da Comissão Especial de Desenvolvimento Profissional. Fluente em inglês, francês e espanhol, foi responsável por diversas parcerias internacionais, tendo sido também palestrante convidada em eventos nacionais e internacionais, com destaque para o TEDxFMUSP - Sanus urben, sanus civis, a Cúpula C40 São Paulo, as 5ª e 6ª edições do Fórum Urbano Mundial, o simpósio Metropolis Nonformal - Anticipation da UN-Habitat. ___________________________________________________________ Siga nossas redes, acesse conteúdos e muito mais: https://linktr.ee/mob_4.0 APOIO Faperj Coppe/UFRJ

Come and participate in the 2nd Training Cycle!

"Right to the city and mobility: the challenges in building inclusive, sustainable and smart cities".

Hackatona

The Hackatona Mob 4.0 was promoted by GTs Eventos, Plataforma e Capacitação to enable a competition between programmers and aimed to capture data and solutions for the mobility of municipalities in the state of Rio de Janeiro. Check out how the event went:​